Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
davisilveira80

Quadro Arrumando A Residência Apresenta Informações De Papéis De Parede Pra Decorar Ambientes

Reforma Do Setor Elétrico Pode Apagar Custo Da Energia Para Organizações


O Ministério de Minas e Energia encaminhou o projeto de lei a respeito da reforma do setor elétrico à Presidência da República. O texto traz alterações muito aguardadas, como o acesso de corporações de pequeno porte ao mercado livre de energia - onde conseguem negociar diretamente com as geradoras - e a adoção de uma política mais rígida na concessão de subsídios. A abertura do mercado livre a começar por janeiro de 2026, na prática, terá de diminuir os custos da energia para corporações pequenos.



Hoje, somente grandes clientes, conseguem comprar diretamente das geradoras, sem a intermediação das distribuidoras. É o caso das montadoras de automóveis como por exemplo. Com as mudanças propostas, um supermercado, que hoje não poderá fazer essa compra direta, passaria a poder. Para os freguêses residenciais, porém, nada muda. O secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Paulo Pedrosa, falou que o projeto marca o encerramento de uma visão intervencionista a respeito do mercado por parcela do governo. Ele argumenta que o setor elétrico conviveu por diversos anos com políticas equivocadas, como a possibilidade de “campeões nacionais” e investimentos de estatais a taxas “patrióticas”. “É muito simbólico que estejamos liderando um movimento oposto.


As políticas devem ser transparentes, e o comprador necessita ter voz e poder de escolha”, declarou Pedrosa. 18 bilhões por ano e é paga integralmente pelos compradores, por meio das tarifas de energia. Segundo o Ministério, a conta de luz custeia inúmeras políticas que beneficiam geradores de fontes renováveis, irrigantes, produtores rurais, população de baixa renda e corporações de saneamento, o que distorce o gasto da energia. Pelo projeto de lei - que está na Casa Civil e será ainda enviado à apreciação do Congresso Nacional - serão exigidas contrapartidas dos beneficiários, além de critérios de acesso que considerem aspectos ambientais e condições sociais e econômicas.


O texto sugere ainda uma mudança pela lei que regula a compra de imóveis por estrangeiros, permitindo que empresas internacionais possam adquiri-los, desde que estejam relacionadas à realização de atividades de formação, transmissão e distribuição de energia. Para o Ministério de Minas e Energia, a atual restrição funciona como uma barreira à entrada de capital externo para investimentos no setor, limitando a concorrência.



  • Vire seu tapete de cabeça pra pequeno

  • Enfeite a mesa com torres feitas com suspiros

  • setenta - Estante de livros com tronco de árvore

  • um Projeto por mês - Quadrinho do Abraço DIY

  • 9 Cozinha Velha

  • dois Traje Oficial



Repercussão. O mercado aprovou as alterações, no entanto ponderou que outras são tímidas e poderiam ser adotadas num tempo mais curto. “O projeto lembra a proposta para a reforma da Previdência, que começou ousada e depois cedeu muito. Este agora começa modesto, se bem que esteja pela direção correta”, citou o presidente-executivo da Liga Brasileira dos Grandes Compradores (Abrace), Edvaldo Santana. “A redução dos limites de Em Programa De Governo, Bolsonaro Propõe Ministério único Na Economia E Imunidade A Policiais para a migração de clientes ao mercado livre de energia elétrica poderia se conceder de maneira mais célere.


A probabilidade é que este foco possa ser revisto pela tramitação do texto no Congresso”, declarou o diretor administrativo da comercializadora Electra Energy, uma Leonardo Salvi. A proposta fim prevê inclusive até quando será cobrado um bônus de outorga de toda usina antiga que tiver o contrato de autorização renovado, sem passar por nova licitação. Os recursos arrecadados pela Combinação serão divididos na proporção de dois terços para o Tesouro Nacional e um terço pros clientes, por intermédio de descontos nas tarifas. A Casa Civil ainda pode fazer os ajustes finais. Depois de ir nesse crivo, o projeto de lei poderá ser assinado pelo presidente Michel Temer e enviado ao Congresso.


Outra promessa é que Praticidade E Elegância Invadem Apartamento De 150 M² O Dia seja encampada por qualquer deputado rua projetos engavetados, que neste instante tramitam na Casa e que possam receber um novo substitutivo. Pequenas e médias corporações intensivas no exercício de energia, como metalúrgicas, poderão adquirir das geradoras, sem intermediários. Todavia elas têm de revelar com um sistema de abastecimento de energia específico no mínimo de média tensão. As empresas de transmissão receberão o pagamento dos consumidores em 24 anos e não mais em oito anos, por investimentos realizados e não ressarcidos. As Decoração Para Sala Claro E Barata mais antigas não precisarão mais fornecer energia pelo gasto (cota). Passam a negociar a preços de mercado. As Reformando O Quarto Dos Filhos E Como Planejar A Reforma de concessão renovados sem necessitar entrar em nova licitação terão de pagar deste jeito. Essa coleta será dividida com os freguêses através de descontos nas contas de luminosidade.


Don't be the product, buy the product!

Schweinderl